O conhecimento de gestantes com diagnóstico de sífilis sobre a doença

Joávio Soares Costa, Pâmela Renata Sousa dos Santos de Vasconcelos, Herica Emilia Félix de Carvalho, Alcineide Mendes de Sousa Julião, Maria Iris Mendes da Rocha Sá, Nadiana Lima Monte

Resumo


Objetivou-se descrever o conhecimento de gestantes com diagnóstico de sífilis sobre a doença. Trata-se de uma pesquisa descritiva, de campo, com abordagem qualitativa realizada com sete gestantes que receberam diagnóstico de sífilis. Os resultados evidenciaram desconhecimento das gestantes sobre a sífilis e os riscos que ela traz para a saúde materno-fetal, assim como o comprometimento emocional das gestantes que sofrerem preconceito por parte de amigos, família e do parceiro. Entre as situações de vulnerabilidade à doença, destacaram-se o uso de drogas, não adesão ao preservativo, a baixa escolaridade e relação sexual com múltiplos parceiros. Conclui-se que a assistência pré-natal é uma oportunidade para a implementação de ações preventivas de saúde, assim, a Estratégia de Saúde da Família tem papel relevante no cuidado às mulheres, pois somente com conhecimento e ações educativas é possível contribuir para redução da sífilis.


Palavras-chave


Sífilis. Gravidez. Cuidado. Pré-natal.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.